Portuguese English German Italian Spanish
  • Conselho Tutelar de Domingos Martins atende comunidade em novo endereço no Centro de Campinho

    Conselho Tutelar de Domingos Martins atende comunidade em novo endereço no Centro de Campinho

  • Obras da rua Elza Gerhardt está em dia apesar da chuva que não para de cair

    Obras da rua Elza Gerhardt está em dia apesar da chuva que não para de cair

  • Prefeitura realiza obras em Santa Isabel para solucionar problemas em rede de drenagem

    Prefeitura realiza obras em Santa Isabel para solucionar problemas em rede de drenagem

  • Microempreendedores tem até o dia 31 de maio para fazer a declaração do MEI do ano 2019

    Microempreendedores tem até o dia 31 de maio para fazer a declaração do MEI do ano 2019

  • Vigilância Ambiental alerta para o combate ao Aedes aegypti; Prevenção deve ser intensificada

    Vigilância Ambiental alerta para o combate ao Aedes aegypti; Prevenção deve ser intensificada

  • Vem aí 31ª Sommerfest! Domingos Martins começa o ano de 2020 em clima de festa com muitas atrações

    Vem aí 31ª Sommerfest! Domingos Martins começa o ano de 2020 em clima de festa com muitas atrações

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6

orena Müller

O Governo Federal anunciou as datas da edição 2016 da Campanha Nacional de Multivacinação. Diferentemente do calendário dos anos anteriores, quando os trabalhos foram realizados nos meses de junho ou agosto, neste ano a atualização das cadernetas de vacinação será em setembro em função dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos, no Rio de Janeiro.

A Campanha de Multivacinação será entre os dias 19 e 30 de setembro, sendo o dia 24 (sábado) do Dia D de mobilização. O objetivo é atualizar as cadernetas de vacinação de todas as crianças menores de 5 anos de idade. Todas as 17 unidades de saúde de Domingos Martins já se preparam para a realização dos trabalhos.

Serão oferecidas todas as vacinas do calendário básico infantil: BCG, hepatite B, penta, inativada poliomielite (VIP), rotavírus, pneumocócica 10 valente, meningocócica C conjugada, febre amarela, tríplice viral (sarampo, rubéola e caxumba) e DTP (difteria, tétano e coqueluche).

Neste ano o Ministério as Saúde também incluiu na Campanha de Multivacinação a atualização da Caderneta de Vacinação da Criança e do Adolescente de 9 a 13 anos de idade. O objetivo é aproveitar a mobilização para atingir este público específico para a imunização contra sarampo, rubéola, caxumba, tétano, difteria e HPV (para as meninas).

Lorena Müller

Domingos Martins reinicia hoje (7) a vacinação contra a gripe em todas as 17 unidades de saúde do município. Como determinado pelo Governo do Estado, que adquiriu mais 150 mil doses para todo o Espírito Santo, a nova etapa da campanha segue até sexta-feira (10) somente para crianças menores de 5 anos, idosos, gestantes e puérperas (45 dias após o parto).

O município recebeu 800 novas doses na última quinta-feira (2) e distribuiu às 17 unidades de saúde, conforme demanda local. A partir de hoje (7) começam os trabalhos de imunização, das 8h às 12h e das 13h às 15h30.

De acordo com o números parciais divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde, até o último dia 20, foram imunizadas 94,25% das crianças menores de 5 anos; 82,54% das gestantes e 93,10% das puérperas. Entre os profissionais de saúde a cobertura já foi alcançada, com 128,02% (índice superior a 100% devido a inclusão de farmacêuticos, atendentes de farmácias, residentes de medicina pelo Ministério da Saúde). Mil e sessenta doentes crônicos receberam a vacina.

Já entre os idosos, Domingos Martins também já ultrapassou a meta estabelecida pelo Governo Federal, com 108,52%. “Embora tenhamos alcançado bons resultados ainda há pessoas acima de 60 anos a serem vacinadas. O que acontece é que também recebemos idosos de outros municípios e não podemos negar a vacina, este é um direito universal garantido pelo SUS”, explica a referência técnica municipal de imunização, Iderlene Gutler.


Outras informações:
Imunização Municipal: (27) 3268-3254

Lorena Müller

A Secretaria de Saúde de Domingos Martins divulga nesta terça-feira (3) os números parciais da vacinação contra a Influenza. Até o último sábado (30), dia D da campanha, mais de três mil doses foram aplicadas nas unidades de saúde do município.

De acordo com a meta de 80% estabelecida pelo Governo Federal, Domingos Martins já alcançou a cobertura vacinal de 42,65% das crianças de seis meses a menores de cinco anos; 102,50% dos profissionais de saúde; 61,69% das gestantes; 91,38% das mulheres no período pós-parto e 43,55% dos idosos.

Assim como os demais municípios capixabas, Domingos Martins recebeu até a semana passada apenas uma parcela das vacinas (25%), que terminou com a realização do dia D. Segundo a referência técnica municipal de Imunização, Iderlene Gutler, um novo lote de vacinas chegará ao município nesta sexta-feira (6).

“Não há motivos para preocupação, assim como nos comunicou o Governo do Estado, a vacina está garantida para todos os que estão incluídos nos grupos prioritários. Na sexta (6) vamos fazer a distribuição para os postos e na segunda (9) a população já pode procurar a unidade de saúde mais próxima”, explica Iderlene.

Grupos

De acordo com o Ministério da Saúde, os grupos prioritários são: trabalhadores de saúde, gestantes e mulheres no período do puerpério (resguardo), crianças de seis meses a menores de cinco anos, idosos e portadores de doenças crônicas. A vacina é trivalente, ou seja, protege contra três tipos de vírus da gripe: H1N1, H3N2 e tipo B.

Iderlene destaca que para o grupo prioritário dos portadores de doenças crônicas é necessária a apresentação de prescrição médica para receber a dose. “Precisamos fazer este controle especial para garantir que aqueles que precisam realmente sejam vacinados. Muitas pessoas têm nos procurado sem comprovação alguma de doença crônica, pedimos a colaboração da população”.

 

Lorena Müller

A Secretaria de Saúde de Domingos Martins inicia em abril a vacinação contra a gripe Influenza em todas as 17 unidades de atendimento à população no município. Seguindo o calendário definido pelo Ministério da Saúde, o Dia D da décima oitava edição da campanha será no final do mês, no dia 30.

Deverão ser imunizadas crianças na faixa etária de seis meses a menores de cinco anos de idade (quatro anos, 11 meses e 29 dias), idosos (60 anos ou mais), gestantes, mulheres na fase do puerpério (até 45 dias após o parto), trabalhadores de saúde e portadores de doenças crônicas. A vacina é trivalente, ou seja, protege contra três tipos de vírus da gripe: H1N1, H3N2 e tipo B.

“De acordo com a meta estabelecida pelo Governo Federal, devemos imunizar 80% da população dos grupos prioritários, isso representa, em Domingos Martins, cerca de 6,8 mil pessoas”, explica a referência técnica municipal de Imunização, Iderlene Gutler.

A campanha segue até o dia 20 de maio. “No sábado (30), Dia D da campanha, todas as unidades estarão abertas. A partir daí a vacina estará disponível diariamente para os grupos prioritários até o encerramento das atividades, em maio”, complementa Iderlene.

Mais sobre a Influenza

A transmissão dos vírus influenza acontece por meio do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Também ocorre por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos, nariz). À população em geral, o Ministério da Saúde orienta a adoção de cuidados simples como medida de prevenção para evitar a doença, como: lavar as mãos várias vezes ao dia; cobrir o nariz e a boca ao tossir e espirrar; evitar tocar o rosto e não compartilhar objetos de uso pessoal.

Em caso de síndrome gripal, deve-se procurar um serviço de saúde o mais rápido possível. A vacina contra a gripe não é capaz de eliminar a doença ou impedir a circulação do vírus, por isso, as medidas de prevenção são muito importantes, particularmente durante o período de maior circulação viral, entre os meses de junho e agosto.

Também é importante lembrar que, mesmo pessoas vacinadas, ao apresentarem os sintomas da gripe - especialmente se são integrantes de grupos mais vulneráveis às complicações - devem procurar, imediatamente, o médico. Os sintomas da gripe são: febre, tosse ou dor na garganta, além de outros, como dor de cabeça, dor muscular e nas articulações. Já o agravamento pode ser identificado por falta de ar, febre por mais de três dias, piora de sintomas gastrointestinais, dor muscular intensa e prostração.

*Com informações do Ministério da Saúde

Lorena Müller

A Secretaria de Saúde de Domingos Martins realiza em setembro a segunda etapa da vacinação contra o Papiloma Vírus Humano, o HPV, utilizada na prevenção do câncer de colo de útero. As equipes estarão nas escolas do município durante todo o mês para imunizar as meninas com idade entre 9 e 11 anos, 11 meses e 29 dias.

A vacina também estará disponível em todas as 17 unidades de saúde de Domingos Martins. A meta, definida pelo Governo Federal, é imunizar 80% da população alvo da campanha. “A vacina está incluída no calendário oficial, assim, teremos essa rotina de imunização todos os anos”, explica a referência técnica municipal Iderlene Gutler.

A primeira dose foi aplicada em março deste ano. Seguindo o esquema vacinal, a segunda dose deve ser aplicada após seis meses, e a terceira após cinco anos. “É importante que os pais estejam atentos. Ao completar 9 anos, a adolescente deve receber a primeira dose da vacina”, completa Iderlene.

O HPV é um vírus transmitido pelo contato direto com pele ou mucosas infectadas por meio de relação sexual (oral-genital, genital-genital ou manual-genital). Também pode ser transmitido de mãe para filho no momento do parto ou por instrumentos ginecológicos não esterilizados. A vacinação contra o HPV é uma prevenção do câncer do colo do útero. A vacina não substitui a realização do exame preventivo, o Papanicolau ou o uso de preservativos.

Outras informações
Coordenação Municipal de Imunização: (27) 3268-3254

Lorena Müller

A Secretaria Municipal de Saúde de Domingos Martins realiza no dia 15 de agosto a Campanha contra Poliomielite e Multivacinação Infantil. A ação segue o calendário nacional definido pelo Ministério da Saúde de imunização contra a paralisia infantil e atualização das cadernetas de vacinação. Todas as Unidades de Saúde do município estarão abertas no sábado, Dia D, das 8h às 17h.

Todas as crianças entre zero e quatro anos, 11 meses e 29 dias devem ser vacinadas contra a poliomielite. Já a atualização das cadernetas é válida para crianças de zero a cinco anos de idade. Serão oferecidas todas as vacinas do calendário básico infantil: BCG, hepatite B, penta, inativada poliomielite (VIP), rotavírus, pneumocócica 10 valente, meningocócica C conjugada, febre amarela, tríplice viral (sarampo, rubéola e caxumba) e DTP (difteria, tétano e coqueluche).

A campanha segue até o dia 31 deste mês. “As unidades estarão preparadas para receber essa demanda e é de fundamental importância que os pais ou responsáveis não se esqueçam de levar a caderneta. Vacinação em dia é garantia de saúde”, orienta a secretária de Saúde, Márcia Alvina Rocha Fernandes.

 

Lorena Müller

A Secretaria de Saúde de Domingos Martins realiza no dia 7 deste mês o Dia D de vacinação contra a Raiva Animal. Equipes da Vigilância Ambiental estarão em diversos pontos da cidade durante todo o dia para imunizar cães e gatos maiores de quatro meses de idade.

“Este ano modificamos a logística da campanha para facilitar o acesso à vacinação e consequentemente alcançarmos o maior número de animais. Determinamos locais e horários (veja abaixo). Além disso, teremos um ponto principal, em frente à praça central de Campinho funcionando de 8h às 17h”, explica o coordenador Roberto Dias.

É obrigatória a apresentação do cartão de vacinação do animal. Cães e gatos menores de quatro meses de idade, assim como animais gestantes, lactantes ou debilitados não podem ser vacinados. Aqueles que foram imunizados há menos de um ano também não participam da campanha.

Locais e horários de vacinação

- Área em frente a Praça Dr Arthur Gerhardt (ao lado do Armarinho Schumacher): 8h às 17h
- Vila Verde (próximo à Igreja Maranata): 8h às 9h
- Esquina da rua da Tomodathi: 14h às 14h25
- Esquina do Bar do Zezinho: 9h às 9h25
- Em frente à creche: 9h30 às 10h
- Curva dos Moraes: 15h às 15h25
- Capelinha: 15h30 às 15h55
- Em frente ao Mercadinho Barrigão: 16h às 16h25
- Em frente à Escola Impacto (antigo Geração): 16h30 às 17h

Lorena Müller

Domingos Martins iniciou na última segunda-feira (2) a vacinação contra o HPV nas escolas no município e em todas as Unidades de Saúde. Todas as meninas com idade entre 9 e 11 anos, 11 meses e 29 dias devem ser imunizadas.

A iniciativa é uma determinação do Ministério da Saúde. “A vacinação contra o HPV está incluída no calendário oficial, assim, teremos essa rotina de imunização todos os anos. É importante que os pais estejam atentos. Ao completar 9 anos, a adolescente deve receber a primeira dose da vacina”, explica a referência técnica municipal Iderlene Gutler. A segunda dose é aplicada após seis meses, e a terceira após cinco anos.

O HPV é um vírus transmitido pelo contato direto com pele ou mucosas infectadas por meio de relação sexual (oral-genital, genital-genital ou manual-genital). Também pode ser transmitido de mãe para filho no momento do parto ou por instrumentos ginecológicos não esterilizados. A vacinação contra o HPV é uma prevenção do câncer do colo do útero. A vacina não substitui a realização do exame preventivo, o Papanicolau ou o uso de preservativos.

Outras informações: (27) 3268-3254

Lorena Müller 

A Secretaria de Saúde de Domingos Martins promove neste sábado (22) o segundo Dia D de Vacinação contra Poliomielite e Sarampo. Seguindo o calendário determinado pelo Ministério da Saúde, todas as unidades de saúde do município estarão abertas especialmente para a campanha. O primeiro Dia D foi no dia 8.

Todas as crianças com idades entre 6 meses e 4 anos, 11 meses e 29 dias devem ser vacinadas e pais (ou responsáveis) devem apresentar o Cartão de Vacina no ato do atendimento. A campanha segue até o dia 28 deste mês.

De acordo com a Coordenação de Imunização, até agora o município já atingiu 72,33% da meta determinada pelo Ministério da Saúde (95%) para a vacinação contra pólio, o que representa 1.341 doses aplicadas. A imunização contra o sarampo já chega a 69,11% de cobertura, o que representa 1.143 crianças protegidas contra a doença.

Saiba mais sobre a polio

Segundo o Ministério da Saúde, o Brasil está livre da poliomielite desde 1990. Desde então, não houve novos casos registrados e, em 1994, o país recebeu da Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) a Certificação de Área Livre de Circulação do Poliovírus Selvagem em seu território.

A continuidade das campanhas de vacinação é fundamental para evitar a reintrodução da doença no país, uma vez que dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) demonstram que entre 2013 e 2014, 10 países registraram casos da doença e três deles são considerados endêmicos (Paquistão, Nigéria e Afeganistão).

A poliomielite é uma doença infectocontagiosa grave. Na maioria dos casos, a criança não vai a óbito quando infectada, mas adquire sérias lesões que afetam o sistema nervoso, provocando paralisia irreversível, principalmente nos membros inferiores. A doença é causada pelo poliovírus e a infecção se dá, principalmente, por via oral.

Sarampo

Os últimos casos de contágio autóctone de sarampo no Brasil ocorreram em 2000 e, desde então, os casos registrados foram importados ou relacionados à importação. Em 2013 e 2014, foram registrados casos importados no país, com concentração em Pernambuco e Ceará. No mundo, em 2014, foram registrados 160 mil casos da doença e com o fluxo de turismo e comércio entre os países o risco de contaminação se eleva.

O sarampo é uma doença viral aguda grave e altamente contagiosa. Os sintomas mais comuns são febre alta, tosse, manchas avermelhadas, coriza e conjuntivite. A transmissão ocorre de pessoa a pessoa, por meio de secreções expelidas pelo doente ao tossir, falar ou respirar. As complicações infecciosas contribuem para a gravidade do sarampo, particularmente em crianças desnutridas e menores de um ano de idade. A única forma de prevenção é por meio da vacina.

Informações:
Coordenação Municipal de Imunização: (27) 3268-3254

Prefeitura Municipal de Domingos Martins

brasaoRua Bernardino Monteiro, 22 - Centro- CEP 29260-000
Expediente: 8h às 11h30 - 13h às 17h  
Fone (27) 3268-1239 - 3268-1124
Veja no Mapa

Links Úteis

portariastn contas-publicas
nfe issbancario