Portuguese English German Italian Spanish

HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO EM DOMINGOS MARTINS

Assim como no Brasil e no Espírito Santo, a história da constituição do Município, também perpassa pela história da Imigração Européia em solo brasileiro. Conforme relatos populares, nas décadas de 30 e 40 do século XX, assim como no Espírito Santo, o ensino esteve diretamente ligado às Igrejas e em muitos casos, os próprios pais reuniam-se e pagavam um professor que pudesse ministrar as aulas aos seus filhos. Quando ainda não existiam os prédios escolares, o ensino era de responsabilidade da igreja. Como os pastores não sabiam falar português, toda a educação formal era realizada em língua alemã. A partir da construção das primeiras escolas e as novas políticas governamentais, os alunos passaram a aprender a língua portuguesa e a frequentar escolas mantidas pelo governo. Encontrar professores para atuar nas áreas interioranas era uma grande dificuldade na época.

Entre as primeiras escolas que passaram a existir no Município, destaca-se a CNEC (Campanha Nacional de Escolas da Comunidade). Situada na Sede de Domingos Martins, teve grande importância no que diz respeito ao curso ginasial, mediante o empenho e união da comunidade, para a concretização de um ensino secundário. No dia 28 de julho de 1953, foi fundado o Ginásio de Domingos Martins.

Desde a sua fundação, a CNEC foi responsável pela educação e formação cidadã de várias gerações martinenses durante 53 anos. Entretanto, no ano de 2007, o prédio foi adquirido pela Prefeitura Municipal, passando a ser denominado de Escola Municipal de Ensino Fundamental e Médio Domingos Martins. Porém, em 2008, por meio de uma emenda parlamentar da Câmara de Vereadores do Município, a referida escola passou a denominar-se Escola Municipal de Ensino Fundamental e Médio “Mariano Ferreira de Nazareth”.

CRIAÇÃO DA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

Conforme informações obtidas em entrevista com a Srª. Paulina Wernersbach Targueta, até os anos de 1970, não havia uma estrutura da educação no que diz respeito à organização e acompanhamento das escolas. Para melhorar este quadro, no início desta referida década foi criada a Divisão Municipal de Educação, onde a própria entrevistada atuou como coordenadora por um período de dez anos.

Neste mesmo período, o então Prefeito Municipal Moacir da Silva Vargas assinou convênio com o Governo do Estado do Espírito Santo, transferindo para o Município a responsabilidade do trabalho com as Escolas Singulares Rurais. A partir disso, estruturou-se junto a Divisão Municipal de Educação o Subnúcleo Regional de Educação. Com a criação deste setor, o acompanhamento às escolas passou a ser mais próximo e o governo do Estado ficou responsável pelo repasse de recursos para o pagamento dos professores. No entanto, o trabalho nas escolas ainda não era o ideal. O próprio professor, responsável por ministrar as aulas, também preparava a merenda para os alunos, que em muitos casos, quando terminavam as atividades, o auxiliavam no preparo do alimento, bem como na arrumação da cozinha após o término do recreio.

Diante desta conjuntura, no início da década de 1980, o então prefeito Sr. Lourival Berger, extinguiu a Divisão Municipal de Educação e criou a Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Turismo. Em 1993 esta passou a denominar-se Secretaria Municipal de Educação e Esportes. A partir da criação desta Secretaria, ocorreram mudanças significativas na estrutura das escolas. Entre elas a contratação de serventes para o preparo da merenda e limpeza. Esta remodelação tinha por objetivo melhorar o atendimento pedagógico e, consequentemente, a qualidade do ensino.

Na década de 1990, houve uma intensificação do acompanhamento pedagógico junto às escolas Unidocentes e Pluridocentes, bem como a formação continuada dos profissionais do magistério.

A MUNICIPALIZAÇÃO DAS ESCOLAS

O Sr. Leonardo Barth, Secretário Municipal de Educação e Esporte no período de 1989 a 2000, traçou um panorama acerca do processo de municipalização das escolas estaduais em Domingos Martins, na década de 1980. Segundo ele no ano de 1985, Marechal Floriano era distrito de Domingos Martins e a escola de Araguaia ficava sob sua supervisão, sendo transformada neste ano em escola de

Ensino Fundamental com Séries Iniciais e Finais. O mesmo procedimento foi adotado com as escolas das regiões de Rio Ponte, Paraju, Ponto Alto, Pedreiras, Aracê, Cristo Rei, Córrego São Paulo, Biriricas de Cima, Melgaço, Augusto Pagung, Tijuco Preto, Luiz Pianzola e a Escola Família Agrícola de São Bento de Chapéu. Nesta época, a Escola de Santa Isabel, que pertencia a CNEC, e passou a integrar a Rede Estadual.

A partir da década de 1990, por meio da Lei de Diretrizes e Bases da Educação, o Governo Estadual intensificou o processo de municipalização do Ensino Fundamental em 1º de janeiro de 1998. Diante desse novo contexto e em consonância com a lei maior, durante a gestão do Sr. Leonardo Barth foram constatadas algumas deficiências na Rede de Ensino como: falta de professores para atuarem em escolas de difícil acesso; a não continuidade dos estudos nas Séries Finais do Ensino Fundamental e infraestrutura precária.

Mediante a configuração deste cenário, foram fechadas trinta e duas escolas e em seu lugar criadas unidades completas de Ensino Fundamental. Este redirecionamento educacional tinha por objetivo melhorar a qualidade do ensino, ampliar o atendimento de professores especializados nas áreas de conhecimento e também vivenciar maior socialização, ampliando-se assim, a sua interação com outras realidades visando oportunizar-lhes novas visões.

Conforme convênio de municipalização nº 042/98 e 184/2005 foram municipalizadas quarenta e uma escolas. No segundo aditivo do convênio 042/98 foram municipalizadas mais 4 (quatro) escolas e com o convênio 184/2005 mais 3 (três) , sendo estas, Santa Isabel, Soído e Emir de Macedo Gomes. Atualmente no Município há 54 escolas, conforme tabela abaixo.

Instituições Esfera Quantidade Modalidades
Centros Municipais de Educação Infantil - CMEI municipal 9 Educação Infantil
Escolas Municipais Unidocentes de Ensino Fundamental - EMUEF municipal 12 Educação Infantil e Anos Iniciais do Ensino Fundamental
Escolas Municipais Pluridocentes de Ensino Fundamental - EMPEF municipal 10 Educação Infantil e Anos Iniciais do Ensino Fundamental
Escolas Municipais de Ensino Fundamental - EMEF municipal 16 Educação Infantil, Anos Iniciais e Finais do Ensino Fundamental
Escolas Municipais de Ensino Fundamental e Médio - EMEFM municipal 1 Educação Infantil, Anos Iniciais, Finais do Ensino Fundamental e EJA
Escola Família Agrícola - EFA municipal 1 Anos Finais do Ensino Fundamental
Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio - EEEFM estadual 4 Anos Iniciais e Finais do Ensino Fundamental
Centro Educacional privada 1 Educação Infantil, Anos Iniciais, Finais do Ensino Fundamental

Prefeitura Municipal de Domingos Martins

brasaoRua Bernardino Monteiro, 22 - Centro- CEP 29260-000
Expediente: 8h às 11h30 - 13h às 17h  
Fone (27) 3268-1239 - 3268-1124
Veja no Mapa

Links Úteis

portariastn contas-publicas
nfe issbancario

Previsão do Tempo

Nublado

18°C

Nublado

Umidade: 95%

Vento: 6.44 km/h